A 7ª edição do Selo Maior de Revenda – Autos, da Agência Autoinforme, em parceria com a Textofinal de Comunicação, considerou neste ano apenas 15 categorias e o campeão geral. Em edições anteriores, Selo Maior Valor de Revenda – Autos chegou a ter 19 categorias. “Este ano, decidimos extinguir Hatch Médio, Hatch Premium, Perua e Sedã Grande porque esses segmentos apresentaram apenas um modelo em comercialização ou significaram vendas abaixo de mil unidades no período de 12 meses. Além disso, veículos elétricos e híbridos foram separados porque, mesmo sem altos volumes, conquistaram representatividade no mercado brasileiro”, explica Joel Leite, idealizador da certificação.

A Honda conquistou dois prêmios no Selo Maior Valor de Revenda – Autos 2020. A pesquisa indica os modelos com menor depreciação do mercado, ou seja, aqueles que mais preservaram o valor investido pelo proprietário. Nesta edição, o Honda Fit e o HR-V foram os modelos que menos desvalorizaram em suas categorias – Monovolume/Minivan e SUV Entrada, respectivamente -, com uma depreciação de apenas 9,4% para o Fit e 9,2% para o HR-V.